sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

A DANÇA DO DEUS CORNÍFERO



Na Dança Eterna, Ele ria
Dançava sozinho numa noite fria 
Apesar de que sozinho Ele nunca estaria 
Pois era o Pai do Mundo, Senhor de toda alegria.

Saiu de cena por um tempão 
Fingiu ter abandonado o coração pagão 
Deixou o mundo em desencantamento e desilusão; 
Procuraram o Senhor da Vida em vão.

Até que novamente, voltou 
Desamparadas as suas crianças Ele nunca deixou 
Riu, cantou, criou e celebrou 
O amor mais antigo, à Aquela que Ele sempre amou.

Aonde você está que ainda não o encontrou? 
O que Ele precisa mais fazer, pra você o ouvir e responder? 
Será que a chance que apareceu tu aproveitou?
De desvendar os segredos da Vida, da Criação e do Amor?

Saiba então que é chegada a hora. 
Nunca esteve tão Vivo como está agora.

Duvida de mim, então feche seus olhos. 
Olhe de canto de olho para as sombras do lugar aonde está. 
Veja Ele te olhando, rindo e debochando.
Calafrios e arrepios subindo pelo seu corpo, te aterrorizando
Sussurros e uivos lá fora rolando

É Pan, através de seu próprio corpo, te acariciando. Te chamando. 
Brincando. 
Aceita?



FONTE:  Álex Hylaios

AS BRUXAS TRADICIONAIS DO PAGANISMO ANTIGO


Paganismo é um termo genérico para as religiões politeístas antigas e novas.  Isaac Bonewits


Eu tenho um modo de ver o mundo diferente das pessoas comuns, e nesse modo eu tenho um conhecimento não muito grande sobre determinadas religiões e práticas religiosas. Passei alguns tempos da minha vida, aprendendo a filosofia, a cultura, os ingredientes, as misturas mágicas, e tudo isso me fez rir de mim mesmo, pois cheguei à conclusão que todas só estão em busca de uma única coisa, "Felicidade".

Felicidade essa que tantos procuram, mas esqueceram que se encontra dentro de si mesmo. Se por um momento parássemos e pudéssemos olhar para dentro de si, veríamos que toda essa felicidade esteve o tempo Todo dentro de nós, não adianta somente abrir os portões do nosso espírito, temos que atrair, temos que sair em busca dessa felicidade, muitos procuram, nas bebidas, outros em mulheres, alguns em drogas, mas esquece que tudo o que ele mas precisa está dentro dele mesmo.

Dentro da minha RELIGIÃO A BRUXARIA TRADICIONAL, aprendemos ao longo dos anos que a Mãe nos ensinou que todo o poder de uma Bruxa está na mente por este motivo, não podemos transformar a matéria, mas apenas a maneira como as pessoas vêem as coisas e, em casos muitos raros, o modo como se lembram dela, pois a capacidade do ser humano de questionar-se é uma de suas maiores virtudes ao longo da história. O simples ato de buscar o auto -conhecimento, compreender a própria origem e um significado supremo da existência na Terra, conduzir o destino de civilizações, desenvolveu conceitos que se estenderam por vários séculos e gerou um infinito e crescente ciclo ideológico.



Na visão moderna, ser Bruxa da Bruxaria Tradicional é buscar constantemente harmonizar-se com a infinita sabedoria da natureza, onde se aprende diariamente através da linguagem da Terra e do Céu, a decifrar sinais como, por exemplo, o movimento do vento nas folhas das árvores, a beleza do canto dos pássaros, o cheiro das ervas e das flores ou o calor de uma fogueira. Com isso, entenderemos melhor o valor e o respeito à natureza, bem como o amor a todos os seres viventes e o equilíbrio do universo.

Sabemos que a espiritualidade é o combustível desta incessante busca que todos nós buscamos e assim podemos concluir que se toda religião é formada basicamente de fé e misticismo, podemos compreender que religião e ocultismo estão interconectados. Dessa forma, concluímos que ocultismo é o conhecimento secreto das religiões, que pode ser acessível apenas aos membros mais elevados na hierarquia de determinadas ordens.

Podemos encontrar, também, uma grande variedade de tradições dentro da Bruxaria e do paganismo, mas esta variedade de experiências espirituais são apenas ramos diferentes da mesma árvore e, como tal, devem ser respeitadas como a representação máxima da unidade divina. Sendo que, os maiores mestres são: os Ancestrais, a Natureza e os Deuses.

Na Cultura Obscura não há apologia à nenhuma crença ou religião. Porém, há, após tantas divagações e suposições, a certeza de que a consciência coletiva caminha em busca do conhecimento e da elevação espiritual, utilizando-se da capacidade de crer e ao mesmo tempo questionar, intrínsecas à alma humana.


Na Bruxaria Tradicional o equilíbrio é algo que se deve buscar tanto no âmbito pessoal quanto através de uma visão universal. O povo pagão busca equilíbrio dentro de seus corações, na natureza e no Universo, porque perder o equilíbrio dentro de seu próprio ser é o mesmo que perder o equilíbrio com a ordem natural e com as Divindades. O equilíbrio é uma compreensão dos mundos da natureza e da humanidade com o Todo.

A magia é uma força a qual nós moldamos conforme nossa vontade, então, fuja daqueles que possuem caldeirões lotados de ego negativo. Isso não significa que ser pagão é ser "perfeito". A perfeição, iluminação ou inspiração são os objetivos do nosso caminho e, de modo geral, de todas as pessoas. O "bem" e o "mal" são relativos, pois o verdadeiro pagão busca o equilíbrio entre a luz e a sombra, com responsabilidade e bom senso. E essa é a real iniciação da alma e do coração.

Escolha com cuidado em quem sua confiança será depositada, mas se ela for digna dela, a dê sem restrições, pois se você não pode confiar naquela que será sua mestra, não permita que seu aprendizado dependa dela.

Há certas coisas que devem ser aceitas com confiança, até que o tempo seja capaz de clarear o caminho para sua compreensão.

Lembre se que nascemos Bruxas e não nos tornamos Bruxas de repente.
Aos poucos a natureza vai nos mostrando sua importância e sua delicadeza.
Aos poucos vamos nos transformando para entrar em sintonia com ela.
Perdemos os medos, passamos a respeitar, ganhamos conhecimento e espalhamos nosso amor

Não se deixe iludir! Se você não acredita no que vê, descarte a possibilidade.



Selma – 3fasesdalua


domingo, 13 de novembro de 2016

Eu Selma sou uma Sacerdotisa da Bruxaria Tradicional


A simplicidade dos Sábios está na postura e nas atitudes, jamais nas suas vestes... Assim é que entendemos nós Bruxas da Bruxaria Tradicional, pois quando uma alma responde espontaneamente ao chamado da Deusa Mãe, chamamos isso de "Senda Divina" assim fica evidente que não foi pela primeira vez que a ouviu, ou que sentiu necessidade de encontrar seus irmãos de Religião. Significa que em vidas passadas atravessou o véu do templo, e guarda na alma sua história, e no seu subconsciente uma vasta memória das suas origens, pois aprendemos desde muito cedo que a Bruxaria Tradicional é transmitida por gerações, com sua raiz intocada, seus praticantes são guardiões desses conhecimentos, e o são, por estarem de acordo e em afinidade com os fundamentos que formam a tradição.

Na Bruxaria Tradicional, acreditamos que a magia é parte integrante do ser humano, todos tem dons mágicos, chamados de fé por algumas religiões. Praticamos feitiços, encantamentos, buscamos poder em nossos ritos, para modificar nossa realidade de acordo com nosso livre-arbítrio, pois cada um deve viver da forma que deseja e não da forma que a sociedade impõe. Exercitamos nosso poder de criação, assim como os Deuses o fazem.



As Bruxas da Bruxaria Tradicional são pessoas que vivem com princípios pagãos e adotam o extraordinário como parte integrante de suas vidas. São pessoas que optaram por ter uma vida diferente, que reverenciam a natureza e os elementos e não tem medo de se assumirem como são e nem vergonha de serem como são. Hoje as pessoas falam muito sobre Bruxaria, mas o real sentido, o verdadeiro significado elas desconhecem. Infelizmente perdeu-se o verdadeiro significado, e é confundida com satanismo e Magia Negra. 

A natureza é o templo da Bruxa, e neste templo se pratica o grande culto à Deusa, que é representada pela Lua. As Bruxas não adoram o diabo e nem praticam o mal, pelo menos as verdadeiras Bruxas! Ser Bruxa também é ser feminina, afinal quem não gosta de um pouco de sedução? Ser Bruxa é reconciliar o masculino e o feminino. É encontrar a verdadeira essência que está dentro de nós! É aceitar o Deus e a Deusa em seu coração, é acreditar, respeitar, amar a Natureza, perdoar e, acima de tudo, amar...

Ser Bruxa Tradicional equivale a confessar-se como habitante do mundo encantado e mágico do universo. É tornar-se atemporal. O passado torna-se real e não um mero relato dos livros de história e dos autos religiosos, nos tornamos uno. Partícula infinitamente pequena na grande engrenagem de um todo. 

Nos sentimos impulsores do sistema e assim, o verdadeiro sentido de responsabilidade e comprometimento passam a ser inerente ao nosso ser e a escrever a nossa história.



As Bruxas da Bruxaria Tradicional tem o objetivo de despertar seus Dons mágicos, através do contato com os seres divinos da natureza, tornando-se Deuses sobre a Terra (mas isso acontece no decorrer de várias vidas, raramente em uma só). Para isso, nos alinhamos com os Deuses em 8 rituais solares (os Sabás) e13 rituais lunares (os Esbaths, geralmente de Lua Cheia) durante o ano, que não são obrigatórios, mas sugeridos, pois na Bruxaria Tradicional não existem dogmas, nem preconceitos, nem ninguém melhor que ninguém. Bruxaria Tradicional é uma religião e filosofia de vida baseada em liberdade de ser, mas liberdade consciente. Sempre nos encontramos em Círculos (os grupos abertos) ou Covens (grupos fechados ). Temos uma hierarquia sacerdotal.

Dentro da Bruxaria Tradicional parece até natural sermos verdadeiras "ilhas vivas", que espelham por todos os lados e a si próprias. É o gérmen embrionário da Deusa em nós. “NÓS SOMOS AQUELES QUE SOMOS". Somos essência imanente da Mãe antiga, pois seguimos seus passos de que o principal lema da Bruxaria Tradicional é 'An it Harms None, Do as You Will, ou seja, desde que não prejudiques ninguém, faças como quiseres.




As Bruxas Tradicionais é como uma semente, que oculta latente em si toda a força, beleza, estatura que deverá alcançar quando liberta dos invólucros que a aprisionam: preconceitos, egoísmo, medos, sentimentos negativos e falta de conhecimento do sistema da Deusa e tendo percorrido seus caminhos a serviço da grande Mãe, absorvido seus ensinamentos através da simplicidade da natureza, emerge até a plenitude da maturação, transformando-se em frutos que darão sementes, que proliferarão a Deusa em outras almas e corações. Assim sendo as Bruxas Tradicionais é portanto, o sinal da divindade potencial, por isso é imperioso que se discipline um longo processo evolutivo para crescer até a sua plena expressão.

Quando estudamos a Bruxaria Tradicional e nos iniciamos no caminho da Deusa, estamos apenas olhando ao longo de uma janela que por algum tempo a mantivemos fechada, e que neste momento a abrimos para vislumbrarmos os panoramas externos, que os nossos olhos pararam de ver pelo simples fato da janela está fechada.

Para as Bruxas Tradicionais a Roda continua a girar para sempre. Assim, não há motivo para tristezas, pois aqueles que perdemos nessa vida irão renascer, e, um dia, nos encontraremos novamente, nessa jornada infinita de evolução. 

Eu Selma sou uma Sacerdotisa da Bruxaria Tradicional e assim sigo o meu caminho, dentro desta Religião que é Antiga e Tradicional que é a chama acesa que vem do coração dita como vocação por muitos, a busca do caminhante por sabedoria, eis o círculo e seus mistérios que compõem e mantém vivo a essência, da fé nos costumes mágicos, da fé na Antiga Arte. Seu mistério encontra nas profundezas da terra, no submundo onde as raízes estão. Sua reverência aos espíritos ancestrais, ao sussurro ao ouvido, o sagrado na palavra, o segredo dos espíritos face a face, a consagração da terra natal, eis o círculo da Arte, em que nenhum pensamento profano está apto a entender, perguntas e respostas que só quem caminha no círculo ao redor da fogueira pode sentir seu significado.

Assim sou Eu uma Sacerdotisa e Bruxa da Bruxaria Tradicional.

Selma – 3fasesdalua



segunda-feira, 31 de outubro de 2016

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

SER BRUXA É SER LIVRE


Morgana fala…

Até hoje nunca soube quantas noites e dias passei no país das fadas – até hoje minha mente se torna confusa quando tento fazer a conta. Por mais que me esforce, não acredito que fosse menos de cinco, nem mais de treze. 

Blumas de Avalon



Uma Bruxa da Bruxaria Tradicional sabe que alimentar os seus sonhos, mesmo aqueles que parecem impossíveis, é sinal de uma vida saudável, pois aprendemos dentro da nossa doutrina que a magia é a capacidade que o ser humano tem de ver na natureza algo novo, um encontro com a natureza.


Então toda vez que olhamos para a natureza e a vemos de uma maneira nova, reformulada, isso é magia. Muitas pessoas confundem magia com mágica: magia é você poder olhar para a natureza e trazê-la para perto de você, sem os efeitos especiais de Hollywood. Você vai pegar, tomar um banho, conversar com a água; você vai colocar o seu pé no chão e sentir a terra, sentir a brisa no ar… Mágica é o que você vê na televisão, que põe a pólvora, explode, corta a mulher no meio, levitação… Isso é um ilusionismo.


Na antiguidade, as Bruxas eram mulheres do campo, curandeiras, parteiras, benzedeiras… E elas cuidavam de toda a harmonia de uma tribo, assim foi passado para nós Bruxas da Bruxaria Tradicional que para vermos a magia na natureza, sem cinismo, sem querer ser superior… Você tem que estar nessa harmonia com a Mãe Natureza. Dentro da Bruxaria Tradicional estudamos a utilização das ervas, dos cristais, como ajudar uma pessoa a se reequilibrar com o uso da energia… Aí para exercer essas coisas [corretamente], precisa-se de um estudo. Mas, a priori, ser Bruxa é sempre estar em harmonia com os quatro elementos.



Na Bruxaria Tradicional sabemos que para que a magia efetivamente aconteça, três fatores devem estar presentes: a necessidade, a emoção e o conhecimento, pois faz parte da natureza de ser uma Bruxa amar a vida em todas as suas manifestações e aspectos, é ser livre para ser não o que os outros propõe, mas o que ela propõe para si própria.

Nós Bruxas da Bruxaria Tradicional temos a nossa auto estima preservada, sempre em alta, a ponto de ser uma pessoa determinada, independente e, consequentemente, que não se abala facilmente,pois temos consciência de que a natureza é a nossa melhor amiga e que tudo de que precisamos encontramos nela, basta saber onde e como encontrar, pois estamos sempre interagindo com a Mãe natureza como se fôssemos nós mesmos, devemos fazer pelos outros, o que gostaríamos que fizessem por nós, nunca desejando algo a algum ser, seja ele do mundo animal, vegetal,... que não gostaríamos que acontecessem a nós... Ser Bruxa é defender o que é divino, estar conectada com o que é belo e com o que transmite paz e felicidade.

Bruxa é sinônimo de “Deusa”. Muitos preferem denominá-las assim, porque soa mais bonito aos ouvidos, já que os autores de histórias infantis criaram bruxas perversas e “feias” e ser Bruxa não tem, absolutamente, nada a ver com essas histórias criadas pelos homens, claro que o fato de a verdadeira Bruxa só fazer o bem com as descobertas individuais, não significa que elas devem ignorar a existência de outras que utilizam rituais voltados para a maldade. Mas, nem preciso dizer que a maldade existe e tudo depende da perspectiva em que se vê. Se querem utilizar sua sabedoria para coisas negativas, só surtirá efeito em quem se deixar atingir, ou seja, em quem estiver com a auto estima baixa e com o coração repleto de rancores, dentre outros sentimentos desse teor; além, é claro, de ela mesma ser a primeira a beber do próprio “veneno”.



As verdadeiras Bruxas utilizam seus feitiços, exclusivamente, para o bem, pois somos detentoras de uma sabedoria ímpar, embora temos plena consciência das nossas imperfeições e por esta razão não temos medo de caminhar com os pés nus em uma floresta, olhar as árvores, as flores e sentir os ciclos da natureza com o nosso corpo, entramos confiante no mar, nos rios, nas cachoeiras, ficamos sob a chuva e sentimos em nosso sangue o movimento das águas...

A Bruxa da Bruxaria Tradicional sabe o significa, antes de qualquer coisa, saber lidar e respeitar as Leis da Natureza, pois ser uma Bruxa é ser livre. Mas que essa liberdade não seja confundida com libertinagem. Liberdade é ser livre para acreditar no que você quiser, sem a necessidade de obedecer a dogmas, coisas impostas – mas é importante ter alguns pilares, ser um pensador e estar sempre procurando o melhor para a sociedade, para aqueles que estão ao seu redor. É importante ter uma mente questionadora e buscar o equilíbrio. Tendo esse poder, você automaticamente vai fazer o seu meio melhor.


Abraços a todas as bruxas do mundo, pois são as verdadeiras “Mulheres Deusas”, capazes de enfeitar o dia de qualquer pessoa com palavras sábias e repletas de poder. Mas, elas devem saber que sua influência maior está em seus exemplos, porque, como o velho ditado diz “conselhos todos dão” , mas saibam que uma Bruxa sabe viver com a terra e não apenas sobre ela e temos consciência que Ser uma Bruxa é ser verdadeiramente livre.


Selma - 3fasesdalua


sexta-feira, 19 de agosto de 2016

A GRANDE DEUSA MÃE DE TODOS NÓS


Deusa você é real?
A criança sussurrou:

"Deusa, fale comigo"

E uma cotovia cantou.
Mas a criança não ouviu.
Assim, a criança gritou:

"Deusa, fale comigo!"

E o trovão rolou pelo céu...
Mas a criança não ouviu. 
A criança olhou ao redor e disse:

"Deusa, deixe-me ver você."

E uma estrela brilhou
Mas a criança não percebeu.
E a criança gritou:

"Deusa, mostre-me um milagre!"

E uma vida nasceu...
Mas a criança não sabia.
Assim, a criança chorou em desespero,

"Toque-me Deusa, e deixe-me saber que você está aqui!"

Então a Deusa desceu
E tocou na criança.
Mas a criança espantou a borboleta
E afastou-se sem saber.

Selma - 3fasesdalua


A vassoura e a Bruxa


A mulher sempre foi vista como um símbolo de fertilidade, e antigamente, acreditava-se também que a vassoura representava um forte simbolismo sexual, onde o cabo simbolizava o órgão sexual masculino e os pêlos da vassoura, o feminino. Uma vassoura então, representaria simbolicamente uma união sexual.

Nos rituais de fertilidade, algumas mulheres em vilarejos isolados insistiam em correr por suas plantações, muitas vezes nuas, montadas em suas vassouras e pulando em cima do plantio, praticando assim, "o ritual da vassoura" ou "ritual da fertilidade" . Esta prática era feita para que o plantio crescesse depressa e trouxesse bons frutos. A crença comum era de que quanto mais alto fosse o pulo, mais alto as colheitas cresceriam.

Outras bruxas, escondiam ervas alucinógenas nas palhas de sua vassoura para chegar mais rápido a um estado de consciência alterado em seus rituais. Ao fazer isto elas diziam: " Vou pegar a minha vassoura que agora eu vou voar". Isso tudo era mais que suficiente para se acreditar que bruxas voavam em vassouras.


Hoje usamos a vassoura para purificar um local onde realizaremos um determinado rito. E ainda é usada em rituais Handfasting (cerimônias de casamento).

"Voar na vassoura" na atualidade se tornou uma expressão de banir algo, "limpar" ou purificar certa situação.


Selma - 3fasesdalua


A Bruxa


''Me libertei das fogueiras da inquisição e hoje em meu peito trago a honra da minha alma pagã fui apontada, julgada e queimada por carregar a minha própria sabedoria.

Neguei-me a assumir o papel de ruim, não me considerava a mulher má à qual tinha o pacto com o diabo...

Considerava-me a mulher conhecedora das ervas curativas, dos banhos, dos chás, dos cristais, das essências... Meus feitiços, minha magia, era o conhecimento e a poção principal era o amor.

Considerava-me a mulher sábia, filha e sacerdotisa da Grande Mãe, senhora dos ventos, das águas, da terra, do fogo.

Conhecia meus ciclos e notava que os mesmos eram iguais os ciclos da natureza, assim observando em silêncio suas manifestações aprendi que os seus ciclos eram os meus ciclos, na qual se alinhavam com o céu e a terra .

Observava a lua e a tinha como uma grande estrela guia, sentia o pulsar da Grande Mãe em meu peito.

Não me julgava, não me aniquilava e carregava comigo o legado de minhas ancestrais.

As mulheres eram minhas aliadas, e juntas compartilhávamos da mesma energia, e da mesma
sabedoria.

A sexualidade era sagrada e não me sentia culpada por sentir prazer e pela minha sensualidade feminina.

Eu era mulher e fui considerada bruxa por carregar uma sacralidade que o patriarcado não entendeu e nunca entenderá.

E hoje liberta das fogueiras da inquisição, se essas caraterísticas da mulher eram os motivos de ser chamada de Bruxa...

Em reverência, em honra ao meu passado, resgato o que eu fui e o que eu sou, acesso a minha sabedoria ancestral e dou meu grito de liberdade à uma sociedade que reprimi o que é natural...

Sou Mulher, Sou Bruxa!"

FONTE - Carol Shanti



ALTA MAGIA E BAIXA MAGIA Qual a diferença?


Algumas pessoas usam o termo alta magia como se fosse um status e baixa magia como se cuspissem ao dizer.

A magia, volto a lembrar, é uma só, mas ela tem sim algumas divisões que explicam formas de se praticar.

Essas formas são divididas entre alta magia e baixa magia.
Esses termos alta e baixa remetem a "fonte de onde a energia vem"
Alta magia seria a energia vindo dos seres etéreos, dos deuses, dos espíritos, dos astros, de tudo o que é "do alto". 


Já a baixa magia é feita com a energia transmutada aqui na terra, então tudo o que é palpável. As ervas, pedras, plantas...

A Baixa magia está ligada aos ensinamentos populares, os feitiços ensinados por velhos, crendices, cura pelas ervas, comemorações sobre fases da natureza, feitas de formas mais rudimentares e espontâneas, etc. O conhecimento, neste caso, é popular, nem sempre o praticante da baixa magia procura as causas daquilo, ele apenas executa tais processos, ligando-se a ancestralidade e ao ato em si.

A Alta magia, por sua vez, está ligada ao intelecto, aos intelectuais que estudam as ligações entre magia e manifestação da mente, o procedimento é mais cerimonial, ritualístico, possui uma explicação do mecanismo de funcionamento. A alta magia absorve a energia que não está transmutada ainda na terra e a transmuta. Como por exemplo, rituais de cura com divindades ou energias. O ritual na alta magia possui procedimentos, é menos espontâneo.

Quando uma bruxa faz um feitiço com uma pena para afastar um mal espirito que aprendeu numa receita popular, ou algo com moedas que sua avó ensinou para atrair dinheiro, está praticando a Baixa Magia.

Quando ela está fazendo um ritual para uma entidade ou deus, que possui técnicas ritualísticas, procedimentos, ou ainda um feitiço com sigilos, numerologia, uso de astros, etc, está na verdade praticando a Alta Magia.

Essas definições podem estar de acordo com a visão de algumas pessoas, mas obviamente, podem haver outras visões sobre isso.

Em resumo, antigamente, essa denominação era usada para explicar a magia do povo e a magia praticada pelos integrantes de ordens etc, ou seja pessoas de classe social mais elevada.

Independente da alta ou baixa magia, toda magia é igual e tem a mesma importância!
Essa explicação é só para que haja um maior entendimento da forma de pratica da alta e baixa magia. 

E Não para desmerecer nenhum tipo de prática.

Selma - 3fasesdalua

domingo, 31 de julho de 2016

EU SELMA SOU UMA BRUXA HOJE E SEMPRE.


"Foi atravessando invernos que aprendi que para florir não é necessário aguardar a chegada da primavera.
Independente da estação a terra continua fértil dentro de nós." 


Erick Tozzo


Na Bruxaria Tradicional não é preciso ter olhos abertos para ver o sol, nem é preciso ter ouvidos afiados para ouvir o trovão, pois aprendemos que para ser vitoriosa basta apenas ver o que não está visível, pois a essência que mora dentro de nós é mais importante do que a beleza física, e deve ser mostrada a quem realmente merece. Somos únicos e especiais. Assim somos nós Bruxas da Bruxaria Tradicional treinadas pelas nossas Anciãs e Sacerdotisas, para entendermos que quando o dia nasce sabemos que a Deusa nos da junto com o sol um momento que é possível mudar tudo o que nos deixa infelizes.

Na magia de todos os dias, procuramos fingir que não percebemos este momento, que ele não existe que hoje é igual a ontem e será igual o amanhã. Mas quem presta atenção ao seu dia, descobre o instante mágico, ele pode estar escondido na hora em que enfiamos a chave na porta pela manhã, no instante do silêncio após o jantar, nas mil e uma coisas que nos parecem igual.
Este momento existe - um momento em que toda a força dada estrelas passa por nós, e nos permite fazer milagres, pois a vida é pura magia.··.

Eu fui treinada para simplesmente observe uma árvore. Enquanto a árvore cresce, suas raízes crescem para baixo, tornam-se mais profundas. Existe um equilíbrio; quanto mais alto a árvore vai, mais fundo as raízes vão. Na vida, desenvolver-se significa crescer profundamente para dentro de si mesmo que é onde nossas raízes estão, pois somos Bruxas da Bruxaria Tradicional.



Haverá sempre momentos em que me sentirei vazia e estranha, mais tais momentos são muito desejáveis, pois significam que a alma se desfez de suas amarras e navega para lugares distantes.
Isto é o desapego quando o velho terminou e o novo ainda não veio, assim é ciclo que se forma de uma Bruxa, pois a vida às vezes nos mostra algo, que não entendemos no ato, mas com certeza no futuro entenderemos, então não adianta o desespero antecipado, sempre haverá uma explicação para tudo que passamos.

A Anciã me ensinou que somos todos iguais, minha alma de Bruxa me faz guerreira: a minha espada é o amor, o meu escudo é o humor, o meu espaço é a coerência, o meu texto é a liberdade, por tudo isto me perdoem, se a minha felicidade é insuportável, mas não escolhi o bom senso comum. Prefiro ter a minha essência de Bruxa que tem nela embutida a inocência.

Muitas pessoas estão aparecendo por toda a parte e dizendo amar a Bruxaria e isso é bom, ou pelo menos seria se não fosse o tal problema… O problema é que a Bruxaria está sendo confundida com contos de fadas, com outras religiões. Ninguém mais quer estudar. Querem que a magia resolva tudo sem colocarem uma gota de esforço, de envolvimento, de fé.

Desejo unicamente que a Bruxaria seja vista como algo real, não como um mundinho particular cheio de fantasias e ilusões. Fico triste quando alguém me pede um “feitiço para amarrar o amor para si”. Quanto egoísmo e falta de conhecimento! Eu desejo, do fundo do meu coração, que as pessoas estudem! Ao estudarem, perceberão se é o caminho da Bruxaria o que querem realmente para suas vidas e que não é algo simples e passageiro. Não é juntando um punhado de coisas e dizendo abracadabra que a magia acontece, porém as pessoas não sabem disso porque não estudam! Sequer se esforçam para isso! Não compreendo como querem adquirir conhecimento se não abrem um livro! Não fazem suas próprias experiências.



As pessoas estão comparando um caminho que deve ser trilhado com suavidade, envolvimento, amor, fé e perseverança como um boteco onde podemos entrar pedir um lanche rápido e isso não existe.

Eu vivo a minha verdade, Amo a minha religião amo ser uma Bruxa da Bruxaria Tradicional, pois desde que nasci sempre estou descobrindo muito sobre meu próprio ser, sobre coisas que jamais pensaria antes. Este é um caminho maravilhoso que me traz muito conhecimento e sabedoria.

Às vezes fico pasma como as pessoas estão tão acostumadas com a infelicidade, que a sensação de felicidade lhes parece estranha. As pessoas estão tão reprimidas, que a ternura espontânea as incomoda, e o amor lhes inspira desconfiança. Por isto amo a minha loucura que me vacina contra a estupidez.
Amo o amor que me imuniza contra a infelicidade que prolifera, infectando almas e atrofiando corações.

Dentro da Bruxaria Tradicional sou treinada para Ouvir meus instintos, canto para o vento, danço a dança da vida, elevo meu espírito ao infinito e faço meus feitiços, estou sempre viajando em pensamentos, alimento meus desejos.

Se EU precisar de ajuda acendo o caldeirão nele EU queimo louro, lavanda alecrim e cravo e sempre ao meu redor Eu trago prosperidade.

EU SELMA SOU UMA BRUXA HOJE E SEMPRE.


Selma - 3fasesdalua


ORAÇÃO DE PROTEÇÃO XAMÃ



"Grande Espírito da Luz,
Do Leste venha até mim com o poder do sol nascente.
Que haja luz nas minhas palavras,
Que haja luz no meu caminho.
Faça com que eu me lembre sempre que você nos dá um novo dia como uma dádiva.Nunca permita que eu me torne carregado pela amargura de não conseguir começar de novo.

Grande Espírito do Amor,
Do Norte venha até mim e faça-me corajoso quando o vento frio cair sobre mim.Dai-me força e perseverança contra tudo que seja grosseiro, tudo o que fere ou me amedronta.Que em minha vida eu esteja pronto para encarar o que vier do Norte.

Grande Espírito Doador de Vida,
Eu me volto para o Oeste, a direção do poente.
Que eu me lembre todos os dias que em algum momento o meu sol irá se pôr.Que eu nunca me esqueça que eu desaparecerei em ti.
Dai-me cores bonitas, um grande céu para o meu ocaso, para que quando chegar a minha hora de te encontrar, eu possa
chegar glorioso.

Grande Espírito da Criação,
Envie os ventos quentes e suaves do Sul.
Traga-me conforto e me acaricie quando eu estiver cansado e com frio.Desdobrai-me como o faz a brisa suave com as folhas das árvores. Assim como ofereces para toda a terra o vento suave, oferece-o a mim também para que eu possa compartilhar do seu afago."


FONTE - Prece de Proteção Xamã



domingo, 3 de julho de 2016

Princípios de uma Bruxa!



Estes são os Princípios Fundamentais da Bruxa, onde Saber, Querer, Ousar e Calar associados ao bom senso, formam os quatro poderes para o potencial da magia. Quando você compreender o significado dos quatro e utilizar a junção deles, ai sim terá o “Poder” em suas mãos!


Leia, decore e pratique:

Saber
Saber é conhecer a si próprio antes de tudo
Saber o que você quer e deve fazer
Saber amar
Saber fazer o bem
Saber o que é certo para agir com honestidade e justiça

Querer
Querer é acreditar em si mesmo
Querer é desejar sem medos
Querer é ter a coragem de desejar e de lutar por seus desejos
Querer é acreditar na abundância do universo
Querer é não ter medo de viver

Ousar
Ousar é ter coragem para mudar as circunstâncias
Ousar é não ter medo
Ousar é não ser hipócrita
Ousar é ter responsabilidade por todos os seus atos e pensamentos
Ousar é escolher e ser justo consigo mesmo nesta escolha

Calar
Calar é aprender a manter a boca fechada antes de agir
Calar é aprender a manter a boca fechada enquanto está esperando os resultados
Calar é aprender a manter a boca fechada depois da ação
Calar é proteger sua fé e convicções
Calar é respeitar os desejos alheios


Selma - 3fasesdalua



DICAS - USO PARA AS ERVAS



Banho de Ervas para Limpeza

1 punhado de manjericão
1 punhado de arruda
1 punhado de alecrim


Ferva 1 litro de água, acrescente as ervas e abafe por 10 minutos, coe e após seu banho higiênico jogue este banho do pescoço pra baixo, mentalizando que todas as impurezas sejam retiradas de você


DICA PARA LIMPEZA DE AMBIENTE

Em um copo de vidro, coloque 3 punhados de sal grosso, um pedaço de carvão (aquele de fazer churrasco) e água até a metade. 

Esses elementos (sal grosso e carvão) funcionarão para puxar e dissolver as energias negativas do ambiente (e das pessoas que ali residem ou transitam).

O copo pode ser colocado na entrada da casa ou do comércio, debaixo da cama. 

Enfim, onde houver maior fluxo de gente e onde precisar ser limpo.

Quando houver alteração na água, por exemplo, a beirada do copo ficar esbranquiçada ou o carvão afundar, está na hora de jogar fora e fazer outro.

A água deve ser jogada no vaso sanitário e dar descarga. O carvão deve ser jogado fora, de preferência onde tiver terra, assim voltará à natureza e será reprocessado.



Pedra Ametista

Esta ligado diretamente com a mente e o processo de meditação. 


É conhecida como a pedra da alma, traz tranquilidade, solta as mágoas guardadas, raivas, ódios, desenvolve doçura, trabalha o perdão. 

Acalma e suaviza a mente, aumentando a memória e a motivação. 

Bom para crianças hiperativas. Trabalha diabetes. 

Ajuda no combate à insônia e enxaqueca.




Cristal de Quartzo Branco

Pode ser utilizado para todos os fins, por emitir a luz branca que contem todas as cores. 


São ideais para meditação. Equilibra as energias, trazendo foco e direção na vida.
Proporciona equilíbrio emocional, físico e mental. 

Repele a negatividade. 

A pura luz branca emitida através dele é regeneradora e energizante. 

É o cristal da sabedoria, do misticismo e da clarividência.


Selma - 3fasesdalua


A Lenda das Coroas Mágicas


Conta da lenda , que Afrodite , a cada mudança de estação, convidava suas amigas deusas para uma festa em seu jardim particular no Olimpo. Vinham não só as deusas gregas, mas todas as outras deusas do mundo, as Celtas, as Egípcias, as Nórdicas, as Chinesas,as Indianas , e outras. 

Enquanto elas conversavam e saboreavam as frutas do jardim, as fadinhas faziam coroas e tiaras de flores mágicas para as deusas usarem. As coroas tinham o poder de deixa-las ainda mais belas. Uma vez, uma das fadinhas, se compadeceu de uma mortal que estava muito triste, se achando feia e sem graça, então a fada a presenteou com uma coroa mágica. 

Ao receber o presente, a mulher se olhou nas águas de um riacho e viu o seu reflexo. Estava linda, ali estava a face da deusa.

Ao saber disso, Afrodite ficou furiosa . Ia punir a fada, mas pensou melhor quando viu a felicidade da mortal. Desde então , cada mulher que usa uma coroa de flores presta uma homenagem a deusa que vive dentro dela.


Autora: Maite Lopes





ASSIM SOMOS NÓS BRUXAS DA BRUXARIA TRADICIONAL


"O Senhor Chifrudo disse um dia que a feitiçaria é uma espada sem cabo. Não há maneira segura de pegar nela." Tormenta de Espadas - George R. R. Martin.


Pertenço a uma Religião, que tem em sua doutrina transmitir que a Magia é energia, nós Bruxas da Bruxaria Tradicional compreendemos que NÃO existe Magia Negra ou Magia Branca, pois a mesma energia que você utiliza para fazer algo bom e construtivo é a que você utiliza para fazer algo ruim e destrutivo, tudo depende da Intenção e da forma como é analisada a ação gerada, pois a mesma água que tira a cede pode matar afogado.

Nós Bruxas da Bruxaria Tradicional acreditamos que toda crença é respeitável, quando sincera e a sua prática focada e direcionada totalmente para o bem. Condenável são as crenças que conduzam para mal seja ela qual for, pois a intolerância e o fanatismo é o analfabetismo da alma.

Dentro da minha religião através das antigas Anciãs que é responsável pelos ensinamentos, aprendemos que a magia é simplesmente o equilíbrio do universo ao qual move cada Bruxa. A qualidade de boa ou má está na particularidade de cada ser humano, de cada vivente, de cada pessoa que percorre esta esfera evolutiva.



Aprendemos na Bruxaria Tradicional que as sementes do futuro já existem dentro de nós, por isto temos sempre que cuidar, adubar para que cresça uma boa flor, pois temos a sabedoria de que tão perigosa quanto a inveja é a capacidade de o ser humano achar que chegou ao topo, pois quando ele acha que pode tudo, começa o fim, mas o que é importante dizer é que todo mundo que trabalha com magia sabe que existe a lei do retorno - ou seja, tudo o que fazemos volta para nós. Se alguém quiser prejudicar outra pessoa, certamente arcará com as consequências.

As Bruxas sabem que tem o seu caminho, Ela sabe que é a ordem natural das coisas, pois Ela é o caminho da natureza que se move em todas as coisas.

Seja a bruxa que você nasceu para ser: Mágica, feliz, selvagem e livre, pois quantas vezes pudermos nascer, nasceremos Bruxas. Pois já não é uma questão de escolha, é a natureza da alma, pois quando você passa a observar a natureza, prestar atenção em seus ciclos, aprende muita coisa sobre si mesmo ao identificar repetições e padrões no dia-a-dia.

Ser Bruxa da Bruxaria Tradicional é uma dádiva, temos o poder de sermos muitas, e depois voltamos a ser uma unidade, vamos ao encontro do nosso Eu interior para nos reencontrarmos, nos equilibrarmos com os quatro elementos da natureza, água, fogo, terra e o ar.



Nós, as Bruxas da Bruxaria Tradicional, temos a responsabilidade de conduzir as pessoas a um caminho melhor, respeitando o livre arbítrio.

Bruxa significa transformação...

Magia e arte e ciência que ensina a gente a tirar a força existente em nós e manejá-la em prol de uma vida mais plena, exige estudos preparos e principalmente que criamos condições através de nossas ações, nada acontece por um acaso...

Eu não me importo se as suas crenças forem diferentes das minhas se o nosso coração comungar de uma única fé, a fé no amor, pois esta é maior Magia de todas.


Selma – 3fasesdalua


domingo, 5 de junho de 2016

PROMESSA DA DEUSA



"Não te preocupes com a noite fria,

com as sombras no escuro, 

com as vozes que ecoam no ar e 

perturbam teu sono... 

Não te preocupes com o chão escaldante que tens que pisar, 

nem com o relâmpago que corta os céus 

estrondoso e impaciente… 

Estarei aí contigo, 

te cobrindo com meu véu de luzes 

e enviarei minhas criaturas amadas 

para sustentar teu fôlego, 

para te enveredar pelo caminho certo. 

Criança minha, confia nas minhas promessas, 

eu jamais deixo de cumpri-las 

a uma das minhas mais amadas que me servem… 

Eu sou tua mãe, tua amiga, tua conselheira… 

Olha para o céu à noite 

e verás meu semblante no espelho prateado da lua… 

Assim seja, e assim é!"


SELMA - 3FASESDALUA



UMA MULHER


A Mulher para atingir a sua plenitude precisa ser livre;
Livre de certezas, padrões e posturas.
Ela precisa abandonar seus estereótipos do padrão que foi criado lhe dizendo o que é bom, para poder rasgar-se e encontrar o que ela acredita... ser bom para si.
A Mulher encontra a sua essência quando ela permite sentir vazia de si e dos outros. Quando ela já tem a certeza que nada sabe do que lhe foi dito até o presente momento e parte em busca de encontrar a sua verdade - Aquela regida pelo seu coração.
Não existe padrão para mulher, não existe postura correta.
A única verdade Universal... É que ela é LIVRE e a sua natureza não deve ser reprendida ou pré-julgada.

Ela precisa sentir o que lhe da prazer e o que lhe satisfaz, e para conhecer é necessário vivenciar. Entregar-se para o seu íntimo, para o seu mundo, para o seu desconhecido.
Vicência suas dores, amores, emoções - a sua intensidade.
O cheiro da terra, o gosto da chuva, a suavidade do toque e o prazer do que lhe da vontade
Ausenta-se da sua alma toda mulher que tem medo de si
A mulher assim como a Floresta é Mistério e Vida.

Ao entrar não saberá o que encontrará... Nas brumas se escondem planície de realezas, embaixo das folhas as raízes e tantos outros mistérios. Diversidades sem fim, barulhos e cantos
A beleza multiplicada em tantas faces, assim é a mulher. Com sua claridade e escuridão.
Como a Floresta que nos da vida, a mulher nos traz a vida.
É corpo que acolhe, dela o sustento e o alimento.
Quando ela consegue acessar essa partícula e sentir a Mãe Terra em seu ser e ela no Ventre da Mãe Terra, rasga-se o véu da ilusão e acessa a sua liberdade.

A sua liberdade lhe chega quando ela sai do sentimento que foi colocado em seu inconsciente da fruta proibida do Jardim do Éden para a fruta do Amor da Mãe Terra
A Mulher acessa o Divino que habita em seu ser quando ela acessa a sua liberdade.
E a liberdade da Mulher encontra-se no Respeito que ela mesma tem por si. Enquanto ela ainda se colocar como a fruta de desejo do outro, ela continuará a ser massacrada por uma sociedade machista que a coloca como servidora.

E ela não está aqui para ser o que o outro deseja e sim para ser o que a sua alma é. E por ser reprimida, ela perdeu-se do seu natural e escondeu no seu submundo a beleza do que é ser mulher, anulando-se e colocando-se em um papel aonde por sentir-se inferior enjaula a sua alma por medo de como a sociedade julgará, e com isso agrega a sua história de vida situações e pessoas que a machucam, marcando assim as feridas de uma alma ferina presa por medo de ser livre
A Mulher é bicho solto, é fêmea, é leveza, é dança, é LIBERDADE!

FONTE: Caroline Lenne



QUANDO EU ME FIZ FRUTO


" A sombra da lua fui concebida rapaz e rapariga ...
mas quando nasci foi sacrificado Adão, 
foi imolado aos vendedores da noite. 
Minha mãe baptizou-me nas águas do mistério 
para encher o vazio da minha outra essência, 
colocou-me à beira de todos os abismos 
e entregou-me ao estrondo das perguntas. 
Dedicou-me à Eva das vertigens 
e amassou-me em luz e trevas 
para que me tornasse mulher centro e mulher lança 
trespassada e gloriosa 
anjo dos prazeres sem nome. 
Estrangeira cresci e ninguém me colheu o trigo. 
Desenhei a minha vida numa folha branca, 
maçã que nenhuma árvore gerou, 
mas depois rompi-a e saí dela 
em parte vestida de vermelho, em parte branco. 
Não habitei no tempo 
nem estive fora dele 
porque amadureci nas duas florestas. 
Lembrei-me antes de nascer 
que sou uma multidão de corpos 
que dormi longamente 
que longamente vivi 
e quando me tornei fruto 
conheci o que me esperava. 
Pedi aos feiticeiros que cuidassem de mim 
e levaram-me com eles. 
Era 
o meu riso 
terno 
a minha nudez 
azul 
e o meu pecado 
tímido. 
Voava numa pena de pássaro 
e fazia-me travesseiro na hora do delírio. 
Eles cobriram-me o corpo de amuletos 
e untaram-me o coração com o mel da loucura. 
Guardaram os meus tesouros e os ladrões dos meus tesouros 
trouxeram-me silêncios e histórias 
e prepararam-me para viver sem raízes. 
E fui-me embora a partir daí. 
Nas nuvens de cada noite reincarno 
e viajo. 
Só eu me despeço de mim 
só eu me abro a porta. 
O desejo é o meu caminho e a tempestade a bússola. 
Em amor, em nenhum porto lanço ferro. 
Abandono à noite a maior parte de mim mesma 
e reencontro-me apaixonadamente. 
Misturo fluxo e refluxo 
vaga e areia da margem 
abstinência da lua e os seus vícios 
amor 
e morte do amor. 
De dia 
o meu riso pertence aos outros 
e é meu o meu jantar secreto. 
Conhecem-me os que entendem o meu ritmo, 
seguem-me 
mas não me alcançam nunca. " 


FONTE -Molisa

SOU BRUXA


Basta entender que todos nós estamos aqui por uma razão, e basta comprometer-se com ela.
Assim podemos rir, de nossos grandes ou pequenos sofrimentos e caminhar sem medo, conscientes de que cada passo tem um sentido ...

[ Trecho do Livro: A Bruxa de Portobello ]



Sou Bruxa... BRUXA EU SOU, vivo entre poções e encantamentos meu caminhar é sempre entre os mistérios não tenho medo da noite, pois me entrego a mim mesma sem nenhum traço de culpa , pois aprendi que Eu sou “da terra”, e por isso uso livremente a energia natural desse elemento.

O que a maioria das pessoas implica ao conviver hoje com uma Bruxa é perceber o quanto ela faz e preza o bem, e o quanto foi boato tudo que pregaram na inquisição onde os cristãos da época queimaram pessoas inocentes, por somente serem livres...

Toda Bruxa tem uma magia própria de fazer acontecer de dar um jeito, de dar o peito, dar um colo, de fazer bem feito, pois aprendemos que saber o ensinamento não significa te-lo conquistado, da mesma forma que conhecer o caminho e diferente de te-lo trilhado.

Pense em todas as coisas que lhe foram dadas de graça, sem a necessidade de tê-las pedido. A mera experiência da gratidão lhe permite participar da lei da doação, assim é o pensamento de todas as Bruxas, pois somos como águias, que estamos sempre nos renovando com o nosso sofrimento e nos fortalecendo no amor e assim recuperamos nossas forças para a próxima luta.



As Bruxas são, antes de mais nada "consolatrices afflictorum", vendedoras de sonhos e de ilusões de potência, de triunfo, de vitória, de vingança.

Sempre escrevo ou até mesmo falo que Bruxas não fazem amarrações de amor. Para se praticar a bruxaria é necessário saber algumas coisas primordiais da vida. Pode-se fazer TUDO, desde que não faça mal a ninguém, porém existe o livre arbítrio, e no livre arbítrio não se toca; você pode fazer o mal sim, mas a é sabido que tudo o que se faz volta 3 vezes para você. Assim como é a face da Deusa tríplice. 


Além disso, é necessária uma conduta de ética exemplar, é necessário moldar a si mesmo, analisar suas motivações para procurar saber de Magia. Se for por interesses egoístas ou meramente físicos, ou materiais, é melhor parar por aí, pois ao abrir egrégoras você atrairá energias compatíveis às quais está emanando.
Ninguém vira Bruxa, se nasce Bruxa, uma Bruxa ao se deparar com esse tema, irá sentir-se que realmente se encontrou.

É isso que a nossa Alma representa.

SELMA = 3FASESDALUA


quinta-feira, 26 de maio de 2016

O SIGNIFICADO DAS CHAMAS DAS VELAS


CHAMA AZULADA: pede-se paciência, pois seu pedido logo será realizado.

CHAMA AMARELA: sua felicidade esta próxima.

CHAMA VERMELHA: seu pedido esta sendo realizado.

CHAMA BRILHANTE: seu pedido esta tendo êxito.

CHAMA QUE LEVANTA E ABAIXA: Se concentre no seu pedido, pois a sua mente esta muito tumultuada.

CHAMA QUE SOLTA FAGULHA NO AR: Pode haver algum desapontamento ou aborrecimento antes do seu pedido se realizar. O Anjo colocará alguém no seu caminho para comunicar o que você deseja.

CHAMA QUE PARECE UMA ESPIRAL: seus pedidos serão alcançados, o Anjo já está levando sua mensagem. Não comente com ninguém sobre seu pedido, pois alguém próximo poderá atrapalhar.

CHAMA ENFRAQUECIDA: é preciso reforçar seu pedido.

CHAMA QUE PERMANECE BAIXA: esta não é ainda a hora de seu desejo se realizar.Há uma necessidade de você cuidar primeiro do seu astral.

CHAMA QUE VACILA: O Anjo demonstra que, devido às circunstâncias, seu pedido terá algumas transformações (necessárias),antes que seu pedido se realize.

PAVIO QUE SE DIVIDE EM DOIS: o pedido foi feito de forma dúbia, não foi feito com fé, faça-o novamente. Se a vela apaga depois de acesa, (sem muito vento ao redor):seu anjo fará a parte mais difícil, o resto é com você.

QUANDO A VELA QUEIMA POR INTEIRO: seu pedido foi aceito.

QUANDO A VELA FORMA UMA ESCADA AO LADO: seu pedido esta sendo realizado.

QUANDO SOBRA MUITA CERA NO PRATO: acenda o que sobrou, pois existem forças negativas tentando atrapalhar. Quando terminar acenda outra e agradeça seu anjo.

A VELA QUE NÃO ACENDE PRONTAMENTE: O Anjo pode estar tendo dificuldades para ancorar. O astral ao seu redor pode estar poluído.

PONTA DO PAVIO BRILHANTE: você terá muita sorte e sucesso em seu pedido.

VELA QUE CHOROU MUITO: você esta sem forças e muito emotiva(o),isso faz com que seu anjo tenha um pouco de dificuldade para realizar seu pedido. Ponha toda sua Fé em seu pedido.Confie em Deus, na Deusa, seu Santo de Devoção, seu Anjo Guardião, ou em você mesmo. A vela é unicamente um instrumento para representar sua força e canalizar o fluxo do Universo em forma de LUZ em seu favor.

SELMA - 3FASESDALUA



LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...